Ligação Direta - Notícias
Salvador, 16 de Setembro de 2019

Kaio Moraes - Presidente da Limpurb (Empresa de Limpeza Urbana do Salvador)

Numa entrevista exclusiva ao programa Ligação Direta da Rádio Nova Salvador FM na manhã desta quarta (13),  o presidente da Limpurb,, Kaio Moraes, disse que  está em andamento a licitação para escolha de empresas que  vão explorar a coleta de lixo na cidade por 20 anos com um custo de R$7,2 bilhões de reais.

O âncora do programa, radialista Marcos Medrado, quis saber se terão novas empresas além das atuais  Revita, JG e Torre que fazem a coleta hoje, Kaio Moraes disse não saber se terão novas empresas porque a concorrência será de um consórcio modelo de Sociedade de Propostas Específicas, que será uma única empresa .

Marcos Medrado quis saber, também, se realmente a Limpurb gasta R$1 milhão de reais por dia na coleta de lixo em Salvador, o que foi confirmado por Kaio Moraes, ressaltando que desse montante 20% é proveniente da taxa de lixo e 80% restante sai dos cofres da prefeitura.

O presidente da Limpurb anunciou que a concorrência está sendo acompanhada pelo Ministério Público Estadual através da promotora Rita Tourinho e pelo Tribunal de Contas dos Municípios. Segundo ele a orientação do prefeito ACM Neto é “manter os custos e melhorar a qualidade dos serviços”. 

 

Melhorias

O Presidente da Limpurb, Kaio Moraes, ressaltou  que, com esse modelo de consórcio “ nós vamos nos dirigir somente à uma só entidade” facilitando a operacionalidade e controle dos serviços.
 
Anunciou uma novidade que serão os containers  subterrâneos  que vão oferecer melhor qualidade de vida para a população pois o lixo não ficará exposto na rua além da ausência do mau cheiro do lixo. No entanto, ele  não disse quantos serão instalados, em que bairros e a partir de quando.
 
O apresentador do programa, Marcelo Carvalho, quis saber de Kaio Moraes quais as principais dificuldades dele nesses três primeiros meses que está à frente da Limpurb, ele foi taxativo – o descarte irregular de lixo da população fora do horário de coleta – temos feito várias campanhas nos bairros, mas vamos partir para as escolas com palestras.
 

Uma região que nos preocupa é Av. Suburbana que os moradores insistem em colocar o lixo no canteiro central da avenida, quando ficaria fácil e menos perigoso e mais fácil para a coleta que fosse colocado ao longo dos passeios e nos horários de coleta.

 

Descarte de entulho
 
 Um outro ponto de preocupação do presidente da Limpurb é o descarte de entulho na cidade. Temos feito uma rigorosa fiscalização e já multamos mais de 70 caminhões só no mês passado.
 

Kaio Moraes anunciou uma nova ação de combate a esse  tipo de agressão ao ambiente  que foi a criação do Eco Ponto de coleta de resíduos sólidos até 50  sacos de entulho. Existem dois funcionando, um no Vale das Pedrinhas, no Nordeste de Amaralina, e outro no Itaigara. A partir daí o dono do entulho é que tem que retirar seu resíduo.

 

Caixas de lixo
 
Durante o programa vários ouvintes entraram, uns pedindo a instalação de caixas de lixo, outros pedindo a retirada de algumas das já existentes. “ Kaio Moraes disse que esse é um dos grandes conflitos das comunidades, porque uns querem que coloque as caixas, outros querem que tire as já existentes”. Isso porque, acentua, ninguém quer ficar com uma caixa de lixo em sua porta.
 

Finalizando a entrevista, o presidente da Limpurb disse que está reduzindo o número de caixas de lixo na cidade, caindo de  duas mil para mil e setecentas.

Por Alberval Figueiredo

Jornalista

 

 

 

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados