Ligação Direta - Notícias
Salvador, 24 de Maio de 2018

Laudo da PF diz que obras da Petrobras abasteceram caixa 2 da Odebrecht

 

Um laudo da Polícia Federal (PF) juntado ao processo do sítio de Atibaia na tarde desta quarta-feira diz que o caixa 2 da Odebrecht foi abastecido com dinheiro de obras da Petrobras e do projeto Aquapolo — destinada ao tratamento de esgoto na região do ABC paulista.

 O documento reforça as acusações do delator da empreiteira, Emyr Costa Junior, que afirmou que R$ 700 mil foram debitados do centro de custo do Aquapolo para bancar a reforma do sítio de Atibaia, atribuído ao ex-presidente Lula. A defesa do petista diz que o laudo não tem nenhuma relação com o sítio e nega qualquer crime.

Em sua delação, Costa Júnior apresentou uma planilha em que relacionava os valores usados no sítio ao projeto Aquapolo. O Ministério Público Federal (MPF) pediu, então, que peritos analisassem movimentações de dinheiro relacionadas ao Setor de Operações Estruturadas, o departamento de propina da Odebrecht. Para os procuradores, duas saídas do caixa 2 da empreiteira — de R$ 300 mil e R$ 400 mil — foram usadas para pagar o sítio.

O laudo anexado ao processo nesta quarta-feira constatou que esses valores realmente saíram do departamento de propina da Odebrecht. No entanto, não deixa claro se ele foi repassado diretamente para a reforma do sítio. Os peritos dizem apenas que as saídas teriam sido feitas em Salvador.


O Globo /// Figueiredo 

Postado em 17 de Mai 2018 as 05 : 20 : 18

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados