Ligação Direta - Notícias
Salvador, 21 de Junho de 2018

PF deflagra operação com 12 mandados de prisão contra quadrilhas de tráfico internacional de drogas

Resultado de imagem para Polícia Federal (PF

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quinta-feira (14), uma operação contra três quadrilhas que atuam no tráfico internacional de drogas. São cumpridos 12 mandados de prisão preventiva e 12 de busca e apreensão no Paraná, no Rio Grande do Sul e em São Paulo.

Até a última atualização desta reportagem, oito pessoas tinham sido presas na operação, que foi batizada de Duelo. Os policiais também tinham apreendido R$ 1,2 mil e um veículo.

Pelo menos R$ 1,2 mil foram apreendidos durante o cumprimento dos mandados (Foto: Divulgação/PF)

No Paraná, os policiais cumprem cinco mandados de prisão preventiva e nove de busca e apreensão em Foz do Iguaçu, no oeste, além de quatro mandados de prisão preventiva e três de busca e apreensão em Curitiba.

No Rio Grande, no Rio Grande do Sul, há um mandado de prisão preventiva. Em Campinas, no interior de São Paulo, policiais cumprem um mandado de prisão preventiva e um de busca e apreensão.

No decorrer da investigação, que começou em 2016, a PF descobriu três núcleos criminosos que, de maneira paralela ou independente, atuavam no tráfico de drogas. Eles estão vinculados a apreensões de entorpecentes em diferentes regiões do país.

De acordo com a Polícia Federal, há alvos que já cumprem pena pela prática de outros crimes, em prisão domiciliar ou recolhidos ao sistema prisional.

As investigações demonstram, conforme a PF, "robustos indícios acerca do modus operandi das três associações criminosas, demonstrando o elo estável mantido entre seus integrantes para prática do crime de tráfico transnacional de entorpecentes".

A droga, proveniente do Paraguai, era distribuída em diversos estados do país, por via terrestre ou aérea, em vôos comerciais.

Ainda segundo a PF, foi possível identificar a atuação dos grupos criminosos em apreensões de maconha e/ou de haxixe em Foz do Iguaçu e em Céu Azul, no oeste do Paraná; em Gravataí, no Rio Grande do Sul; e no aeroporto de Guarulhos, na Região de São Paulo.

Ainda conforme a polícia, o objetivo desta operação é reunir informações complementares sobre a prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, assum como o possível delito de lavagem de capitais, decorrente da movimentação dos valores obtidos com o tráfico.

G1 // AO

Postado em 14 de Jun 2018 as 07 : 38 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados