Ligação Direta - Notícias
Salvador, 17 de Julho de 2018

ACM Neto considera greve política e manda cortar ponto dos professores

 

Resultado de imagem para fotos de acm neto dando entrevista sobre atual greve dos professores

 

A Prefeitura de Salvador anunciou, nesta quinta-feira (12), que vai cortar o ponto, já na folha de pagamento de julho, dos professores da rede municipal que aderiram à greve, deflagrada na manhã de quarta-feira (11). De acordo com a diretora do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), Elza Melo, a categoria continuará com as atividades suspensas.

"Vamos continuar o movimento e, quando retomarmos as atividades, vamos repôr as aulas e cumprir com os 200 dias letivos previstos por lei. Temos responsabilidade com nosso alunos", afirmou.

Em nota, a gestão municipal informou que já apresentou, por meio da Secretaria Municipal de Gestão (Semge), uma proposta de reajuste de 2,5%. Os professores, no entanto, pleteiam um aumento de 12,41%, além do acréscimo de 10% no auxílio-alimentação, progressão de carreira e eleição do diretor escolar.

O impasse nas negociações, segundo a representante do sindicato, está no fato de a proposta da prefeitura não contemplar professores aposentados e os que atuam em Regime Especial de Direito Administrativo (Reda). "Não podemos aceitar uma proposta que não contemple a categoria como um todo", disse.

G1 // AO

Postado em 13 de Jul 2018 as 05 : 20 : 39

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados