Ligação Direta - Notícias
Salvador, 19 de Julho de 2019

‘CCJ votou Previdência às escuras’, diz Haddad sobre sigilo de dados

Foto: Arquivo Pessoal/Instagram

Ex-prefeito de São Paulo e candidato pelo PT ao Palácio do Planalto nas eleições de 2018, Fernando Haddad criticou fortemente a reforma da Previdência, que tramita na Câmara dos Deputados.

Em entrevista ao programa CB.Poder, ele acusou o governo de falta de transparência na forma como manteve dados em sigilo. Em sua análise, a recusa do governo em abrir, mediante a Lei de Acesso á Informação (LAI), os cálculos que explicam a economia de mais de R$ 1 trilhão em 10 anos com a reforma impediu um debate transparente na primeira comissão a analisar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC).

“Deixaram passar na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), que votou às escuras, porque não sabia o que estava votando. E só agora que os números foram divulgados. Mas há quanto tempo essa reforma está tramitando? Do R$ 1 trilhão que se fala, mais de R$ 800 bilhões afetam diretamente a vida de quem ganha até três salários mínimos. O discurso do governo de que a reforma combate aos privilégios é falso”, afirmou.

Bahia.ba // AO

Postado em 26 de Abr 2019 as 09 : 04 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados