Ligação Direta - Notícias
Salvador, 25 de Agosto de 2019

Dados são insuficientes, diz Geraldo Jr. sobre planilha do transporte público

Foto: Luiza Lopes/bahia.ba

O presidente da Câmara de Salvador, Geraldo Júnior (SD), classificou como “insuficientes” os dados que constam da atual planilha de custos do sistema de transporte público municipal.

O documento foi apresentado em reunião nesta segunda-feira (15) em meio a um imbróglio acerca do projeto que isenta empresas de ônibus do pagamento do ISS. Diante do impasse, a matéria só deverá ser votada no dia 10 de agosto, após o recesso parlamentar.

O tema, porém, voltará a ser discutido nesta quarta (17) em uma nova audiência no Centro de Cultura da Casa.

“A apresentação dessa planilha mostrou dados insuficientes que façam juízo de convencimento dos vereadores. É a primeira vez na história desde 2013 que essa planilha está disponível para a sociedade e para os vereadores. É uma prática que desde 2013 não era realizada, não estabelecida e provocado pelos edis eu briguei por isso. Estará no Diário Oficial essa planilha para toda a sociedade e quarta teremos um novo encontro”, declarou Geraldo Júnior.

“Apesar de a Câmara ter sido alijada do processo de construção do [Termo de Ajustamento de Conduta] TAC com o Ministério Público, isso é página virada. E que for preciso, faremos para que não haja aumento da passagem e que cheguem os ônibus novos com ar-condicionado para a população”, afirma.

O TAC a que o presidente da Câmara se refere permitiu que a tarifa na capital fosse reajustada para R$ 4, em vez dos R$ 4,12 sugeridos na planilha.
Para Geraldo Júnior, o aumento em vigor ocorreu sem que houvesse a participação direta do Legislativo municipal.

Bahia.ba // AO

Postado em 16 de Jul 2019 as 08 : 17 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados