Ligação Direta - Notícias
Salvador, 22 de Outubro de 2020

Filho assumirá vaga caso senador pego com dinheiro na cueca seja afastado

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso determinou na quinta-feira (15) o afastamento do senador Chico Rodrigues (DEM-RR) do cargo por 90 dias. A decisão precisa passar por aprovação no Senado.

Caso a afastamento seja mantido, o suplente que deverá assumir o cargo é Pedro Arthur Ferreira Rodrigues (DEM-RR), filho do senador. Pedro, de 41 anos, já foi funcionário no gabinete do pai enquanto deputado federal, entre 2003 e 2007.

Nas eleições de 2018, o suplente declarou possuir R$ 70 mil em bens, entre eles um sítio de R$ 20 mil em Alto Alegre (RR).

Na quarta-feira (14), Chico Rodrigues foi alvo da Operação Desvid-19, da Polícia Federal, que investiga supostos desvios de aproximadamente R$ 20 milhões em recursos públicos provenientes de emendas parlamentares que seriam destinados à Secretaria de Saúde de Roraima para o combate à pandemia de covid-19.

Rodrigues foi um dos alvos da ação e, durante as buscas e apreensões em Boa Vista, os agentes encontraram dinheiro vivo em posse do parlamentar. Para o ministro, o afastamento do cargo é necessário para evitar que o parlamentar possa utilizar o cargo para dificultar as investigações.

 

Reprodução: Isto É

da Redação do LD

Postado em 16 de Out 2020 as 14 : 56 : 55

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados