Ligação Direta - Notícias
Salvador, 30 de Outubro de 2020

Alice Portugal cobra do governo fortalecimento de aliados

Pré-candidata a prefeita de Salvador pelo PCdoB, a deputada federal Alice Portugal mudou o tom e não fala mais da necessidade de reciprocidade dos petistas para com os comunistas, fiéis aliados do PT. Apesar do recuo, a parlamentar afirmou que se os petistas baianos e o núcleo político do governo do Estado decidir por uma candidatura petista na capital, a tendência é que o seu partido mantenha a sua candidatura.“Neste momento, a nossa decisão é de aparecer com fisionomia própria, é colocar a sigla, número do partido e as suas ideias à disposição da sociedade”, disse. Sobre uma possível desistência, como aconteceu em 2012, a deputada acha difícil acontecer novamente. “O trauma foi grande da primeira vez. A base do partido estava animada. Eu, particularmente, estava pronta. E aquela circunstância foi nos convocada posterior à convenção e não foi algo que estivesse completamente absorvido para ser realizado”, revelou. Alice Portugal ainda negou que esteja cooptando aliados, como afirmou o presidente do PT, Everaldo Anunciação, que defendeu a discussão da pulverização como estratégia para tentar derrotar o atual prefeito ACM Neto.“O próprio PT, que tem a tese da pulverização, deveria pulverizar em grupos e não apenas buscar incorporar em torno de si e os aliados que se defenestrem individualmente. Está errada essa visão”. A comunista ainda cobrou do governo do Estado o fortalecimento de todas as candidaturas de partidos da base aliada. “Isso não significa deixar o aliado com a cuia na mão”.

Foto: Reprodução

Postado em 15 de Fev 2016 as 08 : 11 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados