Ligação Direta - Notícias
Salvador, 27 de Janeiro de 2021

Dado como morto há 10 anos, ex de atriz está casado e vivendo no México, diz revista

O ex-namorado da atriz e cantora Olivia Newton-John virou protagonista de uma história cinematográfica. Patrick McDermott, estava desaparecido há dez anos e havia sido dado como morto. No entanto, de acordo com a revista australiana Woman´s Day, ele está vivo, casado com uma alemã e morando no México.

Em junho de 2005, McDermott, então com 48 anos, desapareceu após uma viagem de barco por San Pedro, na Califórnia. Três anos depois do acidente, a Guarda Costeira deu as buscas por encerradas, uma vez que o corpo não havia sido encontrado.

Os passageiros que estavam na embarcação, 22 ao todo, não viram o cinegrafista subir no barco. Por conta disso, Olivia demorou uma semana para registrar o desaparecimento do namorado. Naquele ano, McDermont devia 8 mil dólares de pensão alimentícia à ex-mulher, Yvette Nipar, com quem tinha um filho, Chance, além de outras dívidas.

No dia anterior ao seu suposto afogamento, ele ainda sacou todo o dinheiro das suas  poupanças, isso fez com que surgisse uma desconfiança se ele teria forjado a morte. O seguro de vida de McDermott ainda deixaria 100 mil dólares ao filho em caso de óbito.

Em 2010, detetives contratados pelo programa Dateline, da NBC, descobriram que Patrick não usava seu nome de batismo: Patrick Kim. Já naquele ano, os detetives alegaram que ele estaria vivendo na região costeira do México.

"O sr. McDermott deseja, de acordo com seu advogado, não ser perseguido por investigadores ou pela imprensa", disse Phillip Klein, um dos investigadores. Uma carta, supostamente escrita por alguém próximo a McDermott, dia ainda que está bem e quer ficar em paz.

Foto: Reprodução

Postado em 22 de Mar 2016 as 18 : 02 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados