Ligação Direta - Notícias
Salvador, 06 de Dezembro de 2019

Crise no Governo Dilma prevê aumento no desemprego em 2016

O desemprego continua subindo assustadoramente no Brasil e deve continuar assim até 2017.  O último dado mais completo do IBGE, que acompanha as contratações em mais de 3 mil municípios, mostrou que o desemprego chegou aos 9%. E há projeções ainda mais pessimistas de que 2016 feche com 11%.

Analistas apontam que a crise política e econômica do governo Dilma Rousseff (PT) é a principal causa do problema. Enquanto isso, a Organização Internacional do Trabalho prevê que o desemprego médio na América Latina deve fechar o ano perto dos 6,7%. Nos Estados Unidos, 4,9%. Na Alemanha, taxa de 4,6%; Reino Unido deve fechar o ano com 5,4%.

Os dados relativos a emprego nas seis principais regiões metropolitanas do país indicam que havia em janeiro 23 milhões de pessoas integrando a população ocupada, um recuou de 1% na comparação mensal (menos 230 mil pessoas); e de -2,7% em relação a janeiro de 2015 (menos 643 mil pessoas).

 

Postado em 09 de Mar 2016 as 15 : 20 : 00

 

Copyright 2014 - Todos os direitos reservados